Câmara rejeita redução do número de vereadores em Rio Preto

A Câmara Municipal de São José do Rio Preto votou e rejeitou nesta terça-feira(17), proposta de emenda à Lei Orgânica, PELOM 08/19, de autoria do vereador Fábio Marcondes, que pretendia reduzir de forma progressiva, o número de vereadores para as próximas eleições.

A proposta que foi rejeitada por 9 vereadores, pretendia reduzir de 17 para 15 o número de eleitos no pleito de 2024, e 13 a partir de 2028.

Com voto contrário da maioria dos vereadores, o projeto foi arquivado e as próximas eleições em Rio Preto continuarão com 17 vagas para vereadores. Confira como foi a votação:

Votaram a favor da redução:
Celso Peixão (PSB)
Fábio Marcondes (PL) – autor da proposta
Jean Charles (MDB)
Jorge Menezes (PTB)
Pedro Roberto (Patriota)
Renato Pupo (PSD)

Foram contra a redução:
Claudia de Giuli (PMB)
Gerson Furquim (PP)
Jean Dornelas (PSL)
José Lagoeiro (DEM)
José Carlos Marinho (PSB)
Karina Caroline (Republicanos)
Márcia Caldas (PPS)
Marco Rillo (PT)
Paulo Pauléra (PP)

Estavam ausentes:
Anderson Branco (PL)
Francisco Júnior (DEM)

 

Foto: Câmara Municipal de São José do Rio Preto

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Publicidade

Verifique sua conexão com a internet