40136577_1519529738148853_14879815412744192_o

Olímpia deve hospedar mais de 90 mil pessoas durante Festa do Peão de Barretos

Considerada o maior polo hoteleiro do noroeste paulista e o terceiro do Estado, a Estância Turística de Olímpia é a opção de muitos turistas que frequentam toda a região e, durante a Festa do Peão de Barretos, não poderia ser diferente.

O maior evento de boiadeiro da América Latina começa nesta quinta-feira, dia 15 e segue até o dia 25 de agosto. No período da festa, a expectativa é de que pelo menos 90 mil pessoas fiquem hospedadas em Olímpia, uma vez que o município está localizado a apenas 40 quilômetros de Barretos e conta com grande variedade hoteleira.

A estimativa foi apurada pela Pesquisa de Expectativa de Ocupação, elaborada pela secretaria de Turismo de Olímpia, na última semana. De acordo com o levantamento, mais de 60% dos meios de hospedagem do município já estão com mais da metade dos leitos reservados para as datas, índice que pode ser superado com as reservas durante a semana do evento.

Segundo o prefeito Fernando Cunha, explorar os eventos locais e da região é uma forma de fortalecer a economia do município. “Estamos com uma rede hoteleira cada vez mais ampla e nos tornamos uma boa alternativa para o turista, que pode aproveitar as opções de lazer do município durante o dia e ir para a festa à noite. Essa prática acaba movimentando também outros segmentos como os meios de alimentação e os serviços de transporte, que registram aumento da demanda, gerando assim mais emprego e renda”, analisou o prefeito.

Nas primeiras semanas de agosto, outros eventos também movimentaram a economia local como o Congresso Estadual do Crea-SP e o 55º Festival do Folclore.

 

JULHO

Seguindo o desempenho positivo do município, mais de 350 mil pessoas estiveram hospedadas em Olímpia no mês de julho. A Pesquisa de Ocupação da secretaria de Turismo aponta uma taxa média de quase 70% de ocupação.

Segundo o relatório, 80% dos meios de hospedagem apresentaram ocupação acima de 60% durante o mês, sendo que a visitação do município foi superior, considerando os visitantes que não se hospedam na cidade, optando pelo chamando day use, seja de carro ou com excursões.

Compartilhe

Publicidade