Presidente Bolsonaro destaca avanços gerados pelo seu governo na economia e legislações

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

O presidente Jair Messias Bolsonaro divulgou em sua rede social no último domingo(22), uma série de mudanças que gerou melhorias na economia e legislação do país nos últimos meses.

Dentre as informações divulgadas, estão a MP da Liberdade Econômica, que facilita a abertura e o encerramento de empresas e a alteração na legislação que garante aos produtores rurais a posse de armas em toda a propriedade.

As melhorias destacadas pelo presidente são:

“MAIS IMPOSTOS ZERADOS – depois dos medicamentos para Câncer e AIDS, governo zera impostos para centenas de produtos, entre eles equipamentos e produção médicos, exames, cirurgias oftalmológicas e informática.

. MAIS INVESTIMENTOS – Toyota anuncia R$ 1 bilhão em investimentos graças ao programa de valorização dos biocombustíveis do governo, o RENOVABIO. Estímulo à agricultura familiar.

. MENOR TAXA DE JUROS DA HISTÓRIA – 5,5% e risco país em seu menor patamar desde 2013.

. CRESCIMENTO DO COMÉRCIO NA SEMANA DO BRASIL – aumento de 12% nas vendas e 41% nas atividades online, em relação ao mesmo período do ano passado. R$ 1,86 bilhões de vendas no período de 6 a 15 de setembro.

. MAIS EXPORTAÇÕES – Depois de abrir mercado de carne pra a Indonésia, ampliar para a China e introduzir o leite brasileiro e seus derivados no Egito, o Ministério da Agricultura fecha acordo com a Arabia Saudita para exportação de frutas, castanhas e derivados de ovos. Potencial de U$$ 2 bi.

. MENOS BUROCRACIA E MENOS GASTOS PARA A OBTENÇÃO DA CNH – fim da obrigação de simuladores, queda no número de horas necessárias de aulas práticas.

. MULTAS NO TRÂNSITO : Um mês após determinarmos a suspensão do uso de radares móveis em rodovias federais, dados da PRF apontam que, em Agosto, o número de multas caiu 64% em relação à média do 1• semestre e o número de mortes também.

. MENOS DROGAS – 3 mil toneladas de pés de maconha destruídos. Resultado maior que a soma dos dois anos anteriores. Recorde de apreensão de cocaína.

. DIREITO À LEGÍTIMA DEFESA – Sancionada a lei que garante aos produtores rurais a posse de armas em toda a propriedade.

. MP DA LIBERDADE ECONÔMICA SANCIONADA: mais um passo pra tirar o estado do cangote de quem trabalha e produz (geração de empregos e economia).

. EM DEFESA DAS MULHERES – garantia às mães do direito de amamentar durante a realização de concurso público e obrigação do agressor de mulheres a custear os danos sofridos pela vítima ao ser atendida na rede de saúde.

. SEGURANÇA: Multiplicação do banco nacional de perfis genéticos, com potencial de solução de inúmeros crimes graves.

. TURISMO: Programa que promove o turismo de mergulho e viveiros artificiais para a fauna marinha. Mais naufrágios programados virão pelo Brasil.

. RODOVIAS: O Ministério da Infraestrutura com apoio do Exército Brasileiro não para nem nos finais de semana na construção e correções de trafegabilidade nas BRs.

. SERVIÇOS PÚBLICOS: – Desde o início, nosso governo preza pela responsabilidade com as contas públicas. Estas foram deixadas destruídas por governos anteriores. Com muito sacrifício, estamos criando condições para manter os investimentos. A Casa Civil anunciou descontingenciamento de R$ 8,3 bilhões, que serão distribuídos à Educação e as demais pastas.

. ESTRADAS DE FERRO: Ferrovia Norte-Sul registra recorde histórico de cargas. Só no mês de agosto, 1 milhão de toneladas transportadas pela ferrovia, no trecho que vai de Palmas/TO a Açailândia/MA. Em 2008, o fluxo de carga nesse trecho foi 1,4 milhão.

. PASSAGENS AÉREAS: Empresas aéreas estrangeiras firmam compromisso de entram no mercado internacional do Brasil como primeiro passo para entrar no mercado doméstico. A concorrência traz o barateamento do serviço e a qualidade ao usuário.

. MENOS GASTOS PÚBLICOS: Governo prepara projetos para reduzir gasto com energia elétrica no setor público. Revisão de contratos e geração de energia solar podem diminuir custos da administração em até 90%. A ideia é mudar o consumo e geração de energia elétrica da administração pública federal com instalação de micro usinas fotovoltaicas nos prédios anexos da Esplanada dos Ministérios e outros.”

 

Fonte: Facebook@jairmessias.bolsonaro/Matéria: Eduardo Costa/Foto: Governo Federal

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
jornal, Jornal de Olímpia, jornal em olimpia, notícias, noticias da cidade de olimpia, Notícias de Olímpia, notícias em olímpia, Olímpia, olimpia 24 horas, principais noticias de olímpia, site de noticias olimpia, Voz de Olímpia, Voz Olimpiense

Publicidade