Rio Preto autoriza funcionamento de feiras livres e cultos religiosos, desde que sigam critérios

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

A cidade de São José do Rio Preto através do Comitê Gestor de Enfrentamento do Coronavírus, divulgou ontem(7), um detalhamento (DELIBERAÇÃO 01/2020) das regras sobre serviços que podem exercer as atividades mesmo durante a quarentena imposta pelo Governo do Estado e do próprio município.

Dentre as medidas anunciadas, estão a autorização de funcionamento das feiras livres e cultos religiosos, desde que respeitem os critérios definidos pelo município.

Para os locais de cultos, o distanciamento deverá ser respeitado, conforme “disposto no artigo 5º do Decreto n. 18.571/20 (veja na íntegra), sendo considerado o cálculo de 2,25m2 por pessoa nas áreas livres, incluindo a área destinada às pessoas sentadas, resultando num distanciamento de raio de 1,5m entre pessoas”

Já para as feiras livres, o funcionamento está autorizado “apenas para os estabelecimentos previstos nas alíneas do inciso I do artigo 4º do Decreto n. 18.571/20 (Veja na íntegra), restringindo o acesso pelas laterais e controlando o acesso de público, sendo obrigatório o distanciamento de 2 metros entre bancas e 1,5m entre clientes”

No Mercadão Municipal, apenas os estabelecimentos previstos nas alienas do inciso I do artigo 4º do Decreto n. 18.571/20 podem funcionar, respeitando o limite de 30 clientes na área interna.

Foto: Ilustrativa

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
abertura de igrejas, covid 19, funcionamento das igrejas, Igrejas, quarentena, Rio Preto

Publicidade

Acompanhe as últimas informações oficiais de Olímpia sobre o coronavírus